quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Ousadia é marca do projeto eleitoral do PCdoB Jaboatonense.

O ano de 2008 celebra 20 anos em que o Partido Comunista do Brasil disputa as eleições proporcionais no município do Jaboatão dos Guararapes. Da tática de candidato único celebrada com o já falecido e histórico Joaquim Camilo de Santana em 1988 e o Professor Caduca em 1992 o Partido evoluiu para a formação de chapas coligadas com partidos aliados onde apresentamos diversos candidatos da legenda comunista em 1996,2000 e 2004. A ousadia sempre foi marca da legenda que conseguiu conquistar cadeira no legislativo municipal antes do Partido dos Trabalhadores com o vereador Loli e ampliou sua presença em meados de 2007 com o ingresso da suplente de vereadora que assumiu o mandato Edna Matias.
Dando mais um passo no caminho da ousadia os comunistas jaboatonenses lançam chapa coligada com o PCB para o pleito deste ano com 41 candidatos do PCdoB.Creio ser necessário ressaltar a importância deste fato:nosso partido em Jaboatão é o quinto maior número de candidatos registrados pelo PCdoB no país,fica atrás apenas de 4 capitais(Recife,Rio de Janeiro,Belo Horizonte e Manaus),a chapa possui capilaridade em todos os 5 distritos na cidade , com maior ênfase nos 2 maiores(Jaboatão Centro e Prazeres).
O PCdoB apresenta candidaturas que percorrem todo seu corpo militante,há candidatos de toda a base sindical onde o partido tem presença mais saliente(metalúrgicos,papeleiros e professores),da União da Juventude Socialista,diversos conselheiros tutelares,lideranças comunitárias ,médicos,comerciantes e profissionais liberais.A legenda ainda apresentou 13 candidaturas de mulheres , cumprindo os 30% previsto pela lei, várias com chance reais de disputar a vaga neste pleito.
Pela peculiaridade da disputa, onde o partido se situa na coligação encabeçada pelo deputado estadual do PT André Campos e tem como vice o vereador do PSB Heraldo Selva com amplas chances de vitória, o partido acaba dando contribuição decisiva no pleito.Sua chapa funciona como elo de ligação com diversas comunidades , correia de transmissão com importantes setores da sociedade organizada e ainda contribui na quadra política pela força que o partido tem no estado e a experiência sindical e estudantil que a legenda tem na cidade,coordenando inclusive os partidos da coligação A FORÇA DA MUDANÇA.
É importante ressaltar que a chapa pelo PCdoB apresentada é um desafio para o coletivo dirigente e militante,precisa ser compreendida como projeto coletivo,tratada como um jogo de xadrez,como uma batalha com diversas frentes,que se equilibram e colaboram entre si.O esforço militante dos comunistas deve ser similar de quando disputamos com chapas em grêmios ,sindicatos e associações,:tendo visão de conjunto,percebendo que a vitória de um está intrinsecamente ligada ao resultado dos outros.
A coligação Unidade Socialista formada pelo PCB e PCdoB sinaliza também para reforçar o entendimento da construção da unidade dos comunistas em nosso país , foi debatida longamente com os Comitês Municipais das duas legendas e construída com identidade na prática sindical que já acompanhava os militantes de ambas.
Nestes 50 dias que nos distanciam do pleito é preciso ficar vermelhos por fora também, levar muito sol nas caminhadas, articular cada voto, cada militante e entender com convicção que esta batalha tem prazo e data para acabar. Devemos participar da campanha com o máximo de entusiasmo e ousadia, percebendo que nossa participação no pleito é decisiva, que cada militante é importante devendo se sentir o próprio candidato.
Firme na luta até a vitória!

Um comentário:

Anizio Silva disse...

Achei esse fórum interessante sobre quadrinhos, dá pra baixar vários escaneados:

http://www.forum.clickgratis.com.br/farra